#Your Opinion matters!

There is no real ‘RIGHT’ OR ‘WRONG’ as far as the use and application of the language is concerned. Languages are not laws, but forms or structures to help communication. If we adjust and adapt these forms and structures and communicate what we have in our minds successfully this is what makes the communication ‘RIGHT’. There is no real ‘RIGHT’ OR ‘WRONG’ as far as the use and application of a language is concerned, only good practices. Languages are not laws, but forms or structures to help communication. If we adjust and adapt these forms and structures and communicate what we have in our minds successfully this is what makes the communication ‘RIGHT’. This democratic option is possible here on this site, where everybody has the option to have a say and an opportunity to express an idea. Nowadays, languages are taught. However, that was not so in the past. Languages evolved on their own as a result of popular usage.

So, here, you are invited to present your vote and your opinion about many diverse subjects in English, like ‘make’ and ‘do’, ‘to’ and ‘for’, etc.

modal?? verbs??

Intermediate level

– Os tal chamados ‘Modal Verbs’ criam uma insegurança enorme tanto para os nativos de Inglês, quanto para os estrangeiros que querem aprender o idioma.

Se nos entendemos o conceito de verbos bem, sabemos que eles indiquem as ações, como falar, dirigir e saber. Em qualquer idioma, além das indicações de tempo, como ‘ontem, agora ou semana que vem’ a conjugação dos verbos indicam se a frase se refere ao tempo de Presente, Passado e Futuro.

Você concorda?       Sim                 Não

DID YOU KNOW?

- Você sabia que o verbo ‘to be’ representa dois verbos em Português? ‘Ser’ e ‘Estar’? Isso pode parecer vantajoso para os Brasileiros, mas tenha muito cuidado. Aparências podem ser decepcionantes, pois é fácil imaginar que o ‘to be’ seja ‘ser’ quando é ‘estar’ e vice-versa.

- Você sabia que os infinitivos dos verbos em Inglês sempre têm ‘to’ antes do verbo, assim: ‘to be’, ‘to play’, ‘to go’, etc.? Por quê? Para indicar que estão na forma infinitiva. Em Português, sabemos que os verbos estão no infinitivo quando terminam com ‘ar’, ‘ir’ ou ‘er’, como ‘falar’, ‘fingir’ e ‘saber’. ‘To’ em Inglês também é uma preposição que geralmente significa ‘para’. Assim, preste atenção para identificar o ‘to’ quando é usado para indicar o infinitivo do verbo e quando é uma preposição.

- Você sabia que embora ‘um’ e ‘uma’ são números para identificar unidades singulares, masculino e feminino, eles também são ‘artigos indefinidos’? ‘Eu preciso de um (artigo) lápis’. ‘Esse é um (número) lápis, não dois’. Em Inglês o uso é mais claro. O número, que não indica masculino ou feminino é ‘one’ – ‘This is one pencil, not two’, enquanto o artigo, que também não tem masculino ou feminino é ‘a’ - ‘I need a pencil’. O artigo ‘a’ acrescenta um ‘n’, assim ‘an' quando a palavra que o segue tem som de uma vogal – ‘This is an apple’.

infinitive vs gerund

Advanced level

  • He likes walking in the park.
  • He likes to walk in the park.

Although both sentences are translated into Portuguese as the same ‘Ele gosta de caminhar no parque’, do you believe that the idea transmitted in the two sentences in English are the same?

YES                                                        NO  

Think again!

If this were true, the ‘infinitive’ should be interchangeable with the ‘gerund’ in all cases. So, what if we change the verb ‘like’ to ‘want’ or ‘need’, are the ‘gerund’ and the ‘infinitive’ interchangeable?

  • He wants walking in the park.
  • He wants to walk in the park.

Give us your opinion.

YES                                                        NO  

Vocabulary

Understanding and using the right words at the right time is fundamental in any language. Help others understand things better!

structure

To know the many structures in any language gives you the liberty to express yourself correctly and with the right emphasis. Share your opinion of the structures in English. 

pronunciation

Phonetics is the base of any spoken language. It is obvious that many different places consider their pronunciation the most appropriate. Tell us what you think!

'O que' ou 'qual'?

Basic Level

‘O que’ ou ‘Qual’?

A gente incorpora expressões e formas de comunicar que nem sempre faz sentido ou expressam exatamente o que nós queremos dizer.

‘‘Qual é o seu nome?’’ em Inglês é ‘‘What is your name?’’

Mas, ‘‘O que é isso?’’ em Inglês é ‘‘What is this?”

Encontramos o enigma de ‘O que’ e ‘Qual’ em português, ambos traduzidos para ‘What’, em Inglês. Estamos frente a frente à pergunta: “A final, ‘What’ é ‘O que’ ou ‘Qual’?”

A resposta tem que ser em Português e não em Inglês.

# A sua opinião importa! ‘O que’ é diferente de ‘Qual’?

Sim           ou              Não

Na pergunta: ‘‘What is your name?’’, ‘What’ tem a ideia de:

‘O que’       ou         ‘Qual’

how old are you?

'Quantos anos você tem?' é a forma comum de perguntar a idade de pessoas. Essa lógica nem sempre funciona quando se pergunta a idade de uma criança ou animal.

It's me!

It’s me! Sou eu! São expressões simples e cotidianas. Mas, se olhamos por perto, veremos que em inglês usamos o pronome objeto ‘me’ e em português usamos o pronome objeto ‘mim’. Neste caso, qual você acha certo? Inglês Português

A pronúncia de ‘th’ em Inglês

Quando aprendemos um novo idioma aprendemos como pronunciar as palavras pois os sons mudam de um idioma para outro. Professores são divididos entre a pronunica de palavras em inglês que tenham ‘th’, como ‘Thank you!’, ‘bluetooth’ e ‘method’. #Your Opinion Matters! ‘th’ em Inglês é som de ‘f’, ‘s’ ou ‘th’?